segunda-feira, 24 de abril de 2017

Caroline March: Búscame en tus sueños






Confesso que essa capa me fascinou, embora a segunda seja linda também
Búscame en tus sueños


Búscame en tus sueños (Connor e Ginebra) - Caroline March
My rating: 5/ 5



Caroline March é uma autora espanhola de Madri que escreveu Buscame en tus sueños e ganhou o V Prêmio Vergara-Rincón de la Novela Romántica. E é o primeiro livro de uma série de dois. Ela sempre soube que queria escrever ao ter o primeiro romance em mãos... E graças a Deus ela fez isto...

Buscame en tus sueños
Ginebra Freire era afortunada. Poderia dizer que tinha tudo: trabalho, perspectiva de ser mãe, etc... e então, de repente, tudo vira de cabeça pra baixo e quase perde a vida. E algo vai mal por conta de suas estranhas visões que não consegue ignorar... Sua irmã lhe propõe que vá para Edimburgo e comece uma nova vida. Mas, ao visitar um museu sofre um acidente e vai parar em outra época, (em 1744) e justamente num bordel famoso de lá. Encontrará algumas pessoas que a ajudarão sobreviver neste tempo, mas também alguém que lhe desejará o mal. E entre esses que lhe ajudam, está um guerreiro que fazia parte de suas visões, misterioso e atraente... e que lhe tira do bordel e mesmo desconfiando dela, leva-a para as highlands. 
Connor é o filho bastardo do laird do clã... É um personagem misterioso e cativante que a atrai profundamente, no entanto, Ginebra também não confia nele... E aceita seguir com ele, somente porque quer encontrar uma maneira de voltar para sua época. Mas seu envolvimento com ele torna difícil a sua decisão, devido aos seus sentimentos por ele...
O livro é imenso, onde presente e passado se misturam, e tudo que você deseja saber é o que significa suas visões e como tudo isto irá terminar. A escrita dela é fascinante e te prende muito te tão intenso que é. Cheio de amor, aventura, humor e paixão. É uma leitura que me fascinou a cada virada de página...
 O segundo da série é este aqui que ainda não li... mas pretendo ler...


View all my reviews

Suzanne Enoch: El club de los aventureros. Conquistar a un seductor

El club de los aventureros. Conquistar a un seductor


El club de los aventureros. Conquistar a un seductor ( Bennet  e Phillipa) - Suzanne Enoch

My rating: 5 / 5 stars

Adorável leitura entre um mocinho aventureiro e explorador que volta a Londres em busca de seus diários roubados por outro explorador e nobre. Bennet sempre foi solitário e jamais teve um lar depois que o pai morreu quando tinha 9 anos de idade. Por passar muito tempo nas matas do Congo, atuava de forma selvagem e não seguia ao corrente cavalheirismo imposto pela sociedade londrina. Londres o vê como um tolo porque seus diários alterados e publicados o mostram como alguém torpe. E para completar, além de agir de rompante, sem pensar e disposto a brigar, carrega sempre com ele um macaco no ombro por todo lugar que vai. As moças ficam alvoroçadas, porque é um homem belo e atraente. Mas ele, só em ouvir a voz dela, já sente uma poderosa atração e quando a conhece se encanta com ela, mesmo não tendo beleza...
Phillipa que preferia os livros aos bailes e conversas fúteis, era mais improvável de chamar a atenção dele, e de cara, ele caiu de amores por ela e saltava todas as regras para poder consegui-la.
E ele tenta fazer as coisas certas, porém sempre algo acontece para impedi-lo de atuar direito.
Phillipa é inteligente, esperta e nunca imaginou que ele poderia ter interesse nela. E também cai de amores por ele...
É um romance apaixonante com boas cenas e diálogos provocativos e hilários.
Cinco estrelas porque me fez rir e passar bons momentos divertidos.

View all my reviews

domingo, 9 de abril de 2017

Karen Robards - Un solo Verano/One summer -



Un Solo Verano

Un Solo Verano/One Summer ( Rachel e Johnny) é um romance diferente da maioria dos livros que tenho lido. E Karen Robards como sempre me surpreende com suas histórias mágicas. 

A protagonista é uma mulher de trinta anos (Rachel) e ele um jovem (Johnny) de vinte cinco anos que foi aluno dela. 
Ela é rica, corajosa e caridosa. Que sabe se impor no momento no que acredita o que considera verdade, enquanto todos acham que está cometendo um erro terrível em confiar nele... 
Ele nasceu no lado pobre com problemas com o pai alcoólatra e era um rebelde com causa e motivos. E que passou alguns anos na prisão por um crime que não cometeu. Seus anos de aprisionamento endureceram seu caráter. É um jovem que sempre atraiu as mulheres e com o passar dos anos, seu carisma cresceu ainda mais.
Isto é um suspense que te mantém cativa a cada momento. A história se passa num verão num cidadezinha do sul de EUA onde todos comentam sobre a vida dos outros podendo ou não prejudicá-las com suas comentários infelizes.
É um livro que te envolve intensamente, te mantém à beira de que algo, de repente,  pode acontecer. Fazendo o leitor imaginar quem matou a garota que era namorada dele, já que ele era inocente... A autora nos direciona aos poucos à pista dos prováveis assassinos e o final, me surpreendeu bastante. 
Johnny e Rachel são personagens marcantes. Rachel reluta um pouco em assumir esta relação de amor. Já ele não, tem certeza do que deseja e não aceita as desculpas dela, que considera a relação impossível, e aos poucos derruba todas as barreiras que impede eles de se amarem. Há também personagens que nos conquistam, a mãe e a irmã, uma antiga colega de classe de Johnny e seu filho.

Recomendo? Com certeza.














Karen Robards - Amanda Rose



Minha pontuação no Goodreads: 4/5

Personagens - Matt Grayson e Amanda Rose
Karen Robards mistura em Amanda Rose aventura e romance. 
A história ocorre em 1842, quando o capitão Matt Grayson (beirando aos trinta), um americano de Nova Orleans está próximo de ser enforcado por um crime que não cometeu. Num golpe de sorte consegue escapar e mesmo ferido vai parar na praia nas proximidades do convento, onde a órfã e herdeira Amanda Rose (17 anos) vive até completar a maioridade. Ela foi confinada lá pelo meio-irmão...  
Ela  o socorre e o ajuda a se esconder. Uma inesperada e ardente paixão os colhe enquanto ela o ajuda furtivamente. Porém, a chegada do meio-irmão que deseja obrigá-la a se casar para conseguir dinheiro para pagar as dívidas rompe com esse incipiente romance. E desconfiando de que ela tem algo a esconder, descobre que há alguém no convento e o denuncia as autoridades. Ela que correra para alertá-lo cai na armadilha do meio-irmão e leva a milícia diretamente a ele. Ele consegue escapar pensando que ela o traiu. 
E jura, ao ser resgatado pelo irmão dele (que estava em busca dele) que se vingará daquela traição... E, após ser resgatado pelo irmão, decide levá-la, raptando-a e mantendo-a cativa. E a leva para Nova Orleans. Matt tem uma história de traição no seu passado e a dor de uma nova traição o faz querer humilhá-la, tratando-a como uma qualquer, o que a faz ser desprezada diante da rica sociedade de Nova Orleans. 
Porém, o meio-irmão dela que falira ao perder sua "galinha de ovos de ouro" os persegue até o continente americano e a rapta novamente para obrigá-la a ser amante do velho, já que era uma "mercadoria" usada...
E Matt, que nunca teve intenção de se apaixonar terá que resgatar a garota que conquistara seu coração.
****
Leitura que flui rapidamente. Com personagens secundários cativantes, o irmão dele e os marinho...
Recomendo? Sim. Eu amei como a história se desenvolveu.


sábado, 8 de abril de 2017

Karen Robards: Julia


Karen Robards é uma escritora que tem diversos livros (16),  cuja temática vai do suspense ao romance histórico. Se tornou minha autora preferida depois de Vanished (Desaparecida), que foi o primeiro que li dela. 


Julia

Julia (Julia e Sebastian) - Karen Robards
Minha pontuação no Goodreads: 5 / 5 stars

Julia é um verdadeiro conto de fadas. Criada nos bairros pobres de Londres e aplicando golpes nos mais desavisados, era aos 16 anos, uma criatura vivida e sofrida e então, num golpe de sorte e do destino, ao cuidar de um jovem rico, após seus companheiros (Mick e Jem) terem aplicado-lhe um golpe e o ferido, seu destino muda porque o jovem, às portas da morte casa-se com ela.
Julia vai atrás de seus direitos em Grosvenor Square, onde Sebastian, o tutor de seu defunto esposo vivia. À principio, ele teve intenção de atirá-la na rua, quando viu aquela criatura magra e esquálida, que se dizia esposa do primo. Mas, para provocar a mãe - permite que ela fique e decide torná-la uma dama. Para isso vai para a casa de campo, onde sua filha (que não fala por conta de um trauma) se encontra.
Quando Jewel- agora Julia - começa a se transformar, Sebastião decide seduzi-la.
Sebastian, foi criado sem amor da mãe, e por isso quando se vê apaixonado por Julia, se sente acossado e foge. Mas sua paixão é tão grande que decide passar por cima das convenções e decide se casar com ela.

***
Sebastian, muitas vezes agia como um canalha com ela e muitas vezes senti raiva dele. Mas Julia sempre dava o troco quando ele a tratava sem consideração. Acusado de ter matado a esposa, não era bem visto na sociedade e sofria por conta da rejeição de Chloe, sua filha - que vai ter uma papel importante na trama. Julia, apesar do que sofrera, apesar das mágoas que lhe provocava, conseguia perdoar Sebastian pelo que fazia, e este aprontava muito... Mas a paixão entre eles, era intensa e explosiva demais.
Recomendo porque a autora não deixou pontas soltas, coisa que imaginei que faria, porque deixava em banho-maria (tipo suspense) alguns assuntos. E pelas cenas apaixonantes entre os dois. E pelo fechamento da história.

View all my reviews

quinta-feira, 6 de abril de 2017

Joan Johnston: Texas Bride 1

Joan Johnston é uma autora americana com mais de 100 publicações e com vários prêmios:     
* Paperbook Book Club of America's Book Rak Award (2x)

* Romantic Times' Best Western Historical Series Award (2x)
* Romantic Times' Best New Western Writer
* Romantic Times' Best Historical Series Award (twice)
* The Maggie (twice)

* Romance Writers of America RITA Award finalist for The Disobedient Bride



E com todos esses prêmios nunca li nada dela! Mas, sempre ando à cata de livros e eis que me deparo com um tema que me interessa: àqueles sobre homens do Texas que pediam esposas pelos correios, os chamados Mail-orders brides. E minha escolha caiu sobre ela... O primeiro desta série é este. Ainda não li os outros: que são sobre as irmãs da prota deste. 
Uma observação: Tenho o péssimo gosto de não ler série em ordem e se forem longas nem vou atrás. Fiz algumas exceções para minhas adoradas autoras - Lisa Kleypas e Mary Balogh.



Texas Bride
Texas Bride (Miranda e Jake) - Joan Johnston
My rating: 5 /5 estrelas

Miranda e os seus irmãos ficaram órfãos durante o grande incêndio de Chigado em 1871. As 4 irmãs e os dois irmãos caçulas foram entregues ao orfanato, onde sofriam maus tratos de Miss Briggs - responsável por este. Miranda era a que mais sofria, porque era chicoteada para proteger os outros. Mas, ao completar dezoito tinha que sair do orfanato e então, que às vésperas, sua irmã mais nova disse que respondeu a um anúncio do Texas, o pedido de uma esposa pelos correios. E ela decide arriscar tudo e vai e na calada da noite, e temendo que algo aconteça aos seus irmão caçulas, os carrega junto com ela...
Mocinha que sofreu queimadura e arrastava uma perna, era forte e resoluta. Não vacilou em aventurar nas terras longínquas do Texas em busca de uma vida melhor para dar a família.
Jake, era um viúvo e humano e com uma filha para criar e um velho paralítico para cuidar, teve que casar para ter ajuda nos cuidados que necessitavam...
Ao conhecer a noiva se sente atraído, porém não quer perder outra esposa para dar a luz a um filho seu e decide que não consumará o casamento. E aí a situação se complica, ao descobrir que ela trouxera dois irmãos, aumentando a carga e sobrecarregando-a ainda mais e sem saber como agir para acomodá-los numa casa caindo aos pedaços, meio queimada e com problemas para se sustentar.
A vida difícil que Miranda encontra ali, vai fortalecer ainda mais sua vontade de permanecer ao lado de Jake, lutando e mostrando que nada está perdido e que eles podem construir um vida juntos.
Leitura interessante, que me fez chorar muito com seus personagens sofridos que enfrentaram as intempéries da vida com coragem e amor.
Recomendo, mas aviso, me fez chorar muito, não sei se porque estava muito emotiva no momento... Mesmo assim amei o modo como a autora desenvolveu a história.

View all my reviews

Carolyn Davidson : O milagre do Coração

O milagre do Coração
Minha pontuação no Goodreads: 5 / 5 estrelas

Histórias de vidas que se cruzam de modo inesperados.
Uma mulher fugindo do passado ( Leah) ao ajudar no parto da esposa de Garlam é injustamente acusada por ele de que ela matou a esposa.
E numa forma de reparação pede que ela crie sua filha que sobreviveu ao parto.
E depois a pede em casamento para que cuide da casa e de seus dois filhos.
Mas, Leah é uma mulher forte, determinada, de língua afiada, teimosa e independente que porá à prova a paciência dele. Garlam é uma homem durão, brusco, honrado acostumado a ser obedecido.
Juntos vão descobrir que o amor é mais forte quando se confia um no outro, que perdoar é uma necessidade para seguir em frente.
O amor dele é lindo. E cresce a medida que eles se envolvem. Uma mulher que adota os filhos e os chama de filhos do coração; e um homem apaixonado que vai mostrar tudo que é capaz para tornar os seus felizes...



View all my reviews

Caroline March: Búscame en tus sueños

Confesso que essa capa me fascinou, embora a segunda seja linda também Búscame en tus sueños  (Connor e Ginebra) - Caroli...